Detran exonera servidor investigado pelo Ministério Público

Data
Termos
Informes

O Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) esclarece que o caso do servidor Márcio Silva Freire, preso na quinta-feira (12), na operação "Freio de Arrumação', vinha sendo apurado pela Corregedoria do Detran há quatro meses. A Corregedoria encaminhou as informações levantadas ao Ministério Público do Estado e à Polícia Civil, ação que contribuiu para o desfecho do caso. O Detran está colaborando com as investigações da operação, para que tudo seja esclarecido e os culpados punidos. O servidor preso foi exonerado. A Corregedoria tem um trabalho contínuo na apuração de denúncias de irregularidades envolvendo servidores do órgão de trânsito.